Festa da Maçã e Feira Agroindustrial de Veranópolis

Rota turística de Veranópolis

26 de março de 2019
Turismo 3   Um Dos Passeios é Feito Em Um Jipe De 1959   Foto Arquivo Da Prefeitura De Veranópolis

Rota turística de Veranópolis conduz visitantes pelas origens do cultivo da maçã no Brasil 
Outra opção durante a X Femaçã - Festa Nacional da Maçã e Feira Agroindustrial é um Safári Urbano a bordo de um jipe de 1959 

 

Visitar Veranópolis, na Serra Gaúcha, durante o período da X Femaçã - Festa Nacional da Maçã e Feira Agroindustrial, de 12 a 14 e de 18 a 21 de abril, pode se tornar uma experiência inesquecível se o turista somar à ida ao Parque de Exposições José Bin a um passeio pelos roteiros turísticos do município. Que tal estender a permanência na cidade e conhecer recantos que guardam as origens do plantio da fruta no Brasil em cenários cercados de belezas naturais como matas, vales, rios e montes entre pomares, mesclados a construções bucólicas dos moradores das comunidades, suas igrejas, capitéis, cemitérios e salões comunitários? Estamos falando da Rota Segredos da Maçã, inaugurada em dezembro do ano passado e que percorre a estrada que trouxe os primeiros imigrantes italianos para a então colônia de Alfredo Chaves e onde atualmente estão as comunidades de Monte Bérico e Lajeadinho.

 

Foi em Lajeadinho onde, em 1935, o agricultor José Bin (1897-1972) plantou em sua propriedade cinco sementes de uma maçã trazida da Califórnia (Estados Unidos). Um dos pés sobreviveu e, após enxerto, produziu uma qualidade especial de maçã que não murchava e não perdia peso depois de muito tempo guardada. Bin passou a multiplicar a macieira com novos enxertos e distribuir as mudas para os vizinhos, disseminando, assim, a variedade que mais tarde viria a ser denominada José Bin. Desta forma, Veranópolis recebeu o título de Berço Nacional da Maçã, por registrar em sua história o primeiro cultivo de macieira no Brasil.

 

Além do busto do agricultor, o roteiro contempla paradas para degustação de vinhos, sucos e espumantes e um delicioso café com torta de maçã. Entre os locais visitados estão o Belvedere do Espigão, a Caverna Indígena - com acesso por uma escadaria com 78 degraus em meios à trilha na mata -, capelas, vinícolas, um alambique e o Reino da Longevidade, que conta a história de uma família de origem italiana que mantém há mais de cinco gerações o ofício de marceneiro. O roteiro guiado tem duração aproximada de 4h30min. Durante os dias da Femaçã, as saídas serão diárias, às 13h30min, em frente ao parque de exposições. O tour operado por agência privada é para, no mínimo, dois adultos. O valor é de R$ 119 por pessoa, e crianças de seis a 11 anos pagam R$ 79.

 

Outra opção é o Safári Urbano. A bordo de um jipe Ford Willys 1959, à la Indiana Jones, o grupo faz um passeio panorâmico pelos principais atrativos turísticos urbanos da cidade. Nesta modalidade, com duração de cerca de 45min, não há paradas para visitação. Entre os pontos percorridos estão o aeroclube municipal, os arcos Norte e Sul, a Igreja Matriz, a Casa Saretta, a Gruta Nossa Senhora de Lourdes, o Portal Monumento o e o Monumento da Maçã. A saída será de hora em hora, para grupos de quatro a sete pessoas, durante a festa e o serviço será operado pela empresa Toni Formaiari Passeios Turísticos em um estande dentro da Femaçã. O investimento é de R$ 15 por adultos e para crianças de seis a 11 anos é de R$ 10.

 

Os passeios também podem ser feitos em veículo próprio, guiando-se pelos mapas disponibilizados no Centro de Atendimento ao Turista e no estande da Secretaria do Turismo na Femaçã. 

Também imperdível é a Torre Mirante da Serra, em cujo topo, a 60 metros de altura em relação à BR-470, está localizado o Restaurante Giratório Mascaron, único do gênero no Brasil e com cardápio inspirado nas receitas dos primeiros imigrantes italianos e poloneses que colonizaram a cidade no fim do século 19. Para elaborar a sequência de massas e carnes servida nos almoços e jantares, a direção ouviu cerca de 30 senhoras participantes de grupos de longevidade, que também contribuíram com a decoração do salão com fotos e objetos antigos. A velocidade não passa de 0,05 km/h e a volta completa leva duas horas para ser concluída.

 

Acima do restaurante, a 80 metros do solo, uma plataforma de observação com luneta e binóculo permite observar as belezas da Serra do Rio das Antas e as cidades de Caxias do Sul, Bento Gonçalves e Cotiporã, além da vista panorâmica de Veranópolis.

 

Veranópolis faz parte do Roteiro Turístico Termas e Longevidade, na região Uva e Vinho, na Serra Gaúcha. O roteiro integra cinco municípios que possuem histórias, culturas e paisagens que se interligam e se somam: Cotiporã, Nova Prata, Protásio Alves, Veranópolis e Vila Flores. Mais informações no site www.termaselongevidade.com.br. A cidade dispõe de cinco opções de hospedagens, entre hotéis, pousadas e um camping. A relação dos empreendimentos está disponível no site da Secretaria Municipal de Turismo e Cultura (https://bit.ly/2JJNUva).

 

A Femaçã 
Na última festa, em 2015, mais de 60 mil pessoas prestigiaram as mais de 150 atrações durante oito dias de programação. Conhecida como Berço Nacional da Maçã e Terra da Longevidade, Veranópolis se destaca pela diversidade na economia local. Combustíveis, geração de energia hidroelétrica, indústria metal mecânica e de móveis, agroindústria, incluindo produção de citrus, uva e vinho e serviços são as principais fontes de riqueza do município de cerca de 25 mil habitantes. Atualmente, existem cerca de 150 mil pés de macieiras, em 75 hectares de área no município. Na safra 2019, a estimativa é de uma colheita de aproximadamente três mil toneladas da fruta. Os números finais devem ser divulgados em abril.

 

SERVIÇO 
Centro de Atenção ao Turista  
Onde: BR 470, Km 177, esquina com Rua 24 de Maio (próximo ao Trevo Portal Monumento), em Veranópolis 
Horários: segunda a sexta-feira, das 8h30min às 17h, e aos sábados e domingos, das 10h às 16h. Nos dias 19 e 21, o atendimento será no Parque José Bin, no estande do Turismo na Femaçã 
Contatos: (54) 3441.5953 / (54) 3441.2322 / turismo@veranopolis.rs.gov.br

 
Toni Formaiari Passeios Turísticos
Os passeios Rota Segredos da Maçã e Safári Urbano variam de R$ 15 a R$ 119 por pessoa, com desconto para menores de 12 anos. Informações e reservas: (54) 3441.2180 ou (54) 9.8103.9152. 

 

Torre Mirante da Serra - Restaurante Giratório Mascaron

BR 470, Km 178. Informações e reservas: (54) 3441.8350 ou (54) 9.9902.7920 (WhatsApp)

 

DISTÂNCIAS: 
Porto Alegre: 170 Km 
Bento Gonçalves: 40 Km 
Caxias do Sul: 80 Km 
Nova Prata: 20 Km 
Passo Fundo: 120 Km 

 

SERVIÇO 

X Femaçã – Festa Nacional da Maçã e Feira Agroindustrial  

Quando: de 12 a 14 e de 18 a 21 de abril de 2019. Visitação: dia 12, das 18h às 22h. Dias 13, 18, 19 e 20, das 10h às 22h. Dia 21, das 10h às 18h  

Onde: Parque de Exposições José Bin, Pavilhões da Femaçã (Alameda Santos Dumont, bairro Femaçã), em Veranópolis (RS). Os shows nacionais ocorrem no ginásio Leonir Antonio Farina  

Quanto: os ingressos para o Parque custarão R$ 10. Para os shows nacionais, entrada a partir de R$ 55, com direito à entrada aos Pavilhões da Femaçã  

A programação completa da X Femaçã e pontos de venda antecipada podem ser conferidos no site www.femaca.com.br.

 

Créditos
Busto de José Bin - Foto Leticia Fracasso

Reino da Longevidade 33 - Foto Arquivo da Prefeitura de Veranópolis

Um dos passeios é feito em um jipe de 1959 - Foto Arquivo da Prefeitura de Veranópolis

Vinícola Simonetto é uma das paradas do roteiro - Foto Ton Muller

 

MCom Ação & Comunicação | (54) 3538.3048
Cassiano Farina: cassiano@mcombr.com.br | (54) 9.9937.9027 
Camila Ruzzarin: camila@mcombr.com.br | (54) 9.9190.1392 
Diego Adami: mcom@mcombr.com.br | (54) 9.8111.6007 

Veja também